NOSSA MISSÃO

A Igreja Evangélica Assembléia de Deus de Palmeira das Missões Ministério de Madureira, tem a missão de fazer a diferença no Reino de Deus em Palmeira das Missões, no Rio Grande do Sul, no Brasil e em outros países do mundo. Pois Nossos objetivos nos levam a sermos uma igreja alicerçada na Palavra de Deus, primando pela salvação das almas, levando o evangelho a toda a criatura, fazendo sempre a vontade de Deus, reconhecendo que o Senhor Jesus Cristo é o Senhor e Salvador de todos nós, para que os homens sejam servos, obedientes e bons dispenseiros da multiforme graça do Senhor. Ministério de Madureira uma igreja feliz! Ministério Anunciação Profética-http://prjoaoamilton.blogspot.com - Contatos: 55.9998.3905, 55.84278599 e 55.9915.8554.

IEADEMMAD

IEADEMMAD
IEADEMMAD

CONAMAD - CONEMAD/RS - CAMPO DE PALMEIRA DAS MISSÕES - MINISTÉRIO DE MADUREIRA

CONAMAD - CONEMAD/RS - CAMPO DE PALMEIRA DAS MISSÕES - MINISTÉRIO DE MADUREIRA
NAÇÃO MADUREIRA - MINISTÉRIO DE MADUREIRA - UMA IGREJA FELIZ!

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Prostituição

PROSTITUIÇÃO

1. MULHER PROSTITUTA
A palavra prostituta segundo o Dicionário Online de Língua Português diz: “adj. e s.f. Mulher que se prostitui, que tem relações sexuais por dinheiro; meretriz”.

Segundo os ditos da tradição popular que a profissão de prostituta é uma das mais antigas. Neste prisma, vemos que a facilidade desse modo de vida aos olhos de Deus e da sociedade, é indigno e irresponsável, pois é usado por muitas mulheres que vendem seus corpos pelo simples prazer de ganhar dinheiro fácil. A prostituta é uma pessoa que não tem amor a si própria, pois seu corpo é usado para dar prazer ao sexo oposto, sem qualquer compromisso de amor, ou de um relacionamento mais afetivo, tudo por causa da facilidade de ganhar dinheiro. Veremos a seguir o que diz a Palavra de Deus sobre prostituição, sexo fora do casamento, homossexualiso, entre demais temas que aborda o assunto: prostituição.

2. O SEXULISMO LEGALISADO
Não que isso seja via de regra, pois nos últimos tempos com a banalização da propaganda de produtos da indústria do sexo, a sociedade e os interesses de determinadas camadas da população querem fazer da prostituição algo de respeito ocupando espaços na mídia, como por exemplo, o incentivo das telenovelas ao homossexualismo, adultério e fornicação, que deliberadamente recebe apoio de alguns seguimentos políticos e de uma parcela de imprensa irresponsável e sem compromissos morais. Essa irresponsabilidade tem atingido nossas crianças e nossos adolescentes que estão em formação intelectual. Esse tipo de prostituição imposta garganta abaixo por algumas redes de televisão, jornais e revistas, tem incentivado nossas crianças a aprenderem mais cedo do que o esperado, sobre a sexualidade e os prazeres que o mundo oferece.

A propaganda do sexo, como vendas de produtos de incentivo a pratica sexual, a preocupação dos Órgãos Públicos que incentivam o uso de camisinhas ou preservativos, para proteção de doenças como a AIDS, nada mais é que um incentivo ao sexo sem compromisso, como a propaganda do Governo Federal incentivando o uso de camisinhas durante o carnaval. Isso é um absurdo! Vem de encontro com as verdades de Deus e contra os bons parâmetros que regem uma família pautada pela verdade e pelos bons ensinos de nossos filhos.

3. PROSTITUIÇÃO INFANTIL
A prostituição infantil a cada dia aumenta mais, não por causa da pobreza ou da má formação escolar ou mesmo da má administração familiar, mas em grande parte por causa da facilidade encontrada no dia-a-dia através de deliberação espraiada dos meios de comunicação que mantém senas de sexo explícito em horários nobres, horários em que as nossas crianças ainda estão acordadas olhando à televisão ou mesmo acessando a internet. Enquanto nossos administradores políticos estiverem incentivando a céu aberto a prostituição legalizada, com a idéia de que devemos nos precaver de doenças que contaminam, estaremos à mercê dos ataques de Satanás que age nas mentes débeis de pessoas sem qualquer compromisso com Deus, as quais acham que tudo é normal e tudo podem e se deliberam numa vida de pecaminosidade. Um exemplo clássico disso é o incentivo do Governo Federal ao uso de preservativos durante os dias de carnaval. A propaganda diabólica e absurda diz que não é para transar sem camisinha. Fazendo isso, estão se protegendo. Com isso, os adolescentes filhos de pais desmiolados que compram camisinhas e dão a seus filhos com idades de 15 ou 16 anos, ou até com menor idade ainda, que parecem estarem preocupados somente com as conseqüências da AIDS ou de outras doenças venérea, mas não com a formação moral de seus filhos. Tanto o Governo Federal, quanto a esses pais desmiolados, acham que só a prevenção poderá livrar seus filhos da morte ou mesmo de uma gravidez indesejada. Não é isso que devemos analisar. Esse tipo de propaganda aliada com o mesmo tipo de consciência tem levado a sociedade a passos largos para o abismo. A propaganda parece boa. A intenção desses pais desmiolados também parece estar correta, mas ambas estão ligeiramente enganadas, pois fazendo isso, estão levando a sociedade brasileira a um abismo sem volta. Primeiro, porque estamos incentivando nossos filhos à fornicação, que é o ato de dois jovens solteiros manterem relações sexuais antes do casamento. Há ainda, outras conseqüências disso, que é a de serem pais novos e despreparados, que por um momento de loucura e de prazer, irão trazer terríveis conseqüências e dores de cabeças para o resto de suas vidas. Uma má formação é uma doença incurável para uma sociedade doente. Só o sangue de Jesus Cristo é o que redimirá esse povo de seus maus caminhos, perdoando os pecados de cada um, mas será necessário entender esse propósito de Cristo para o pecador. “Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nEle, e o mais Ele fará” (Sl 37:5).

4. A PALAVRA DE DEUS E A PROSTITUIÇÃO
A Bíblia Sagrada, ou as Sagradas Escrituras, que nada mais é do que a Palavra de Deus, esta sendo banalizada por uma sociedade hipócrita e sem limites de responsabilidade (moralidade). Vejamos algumas passagens em que o Senhor nosso Deus nos adverte quanto a esses tipos de consciências e de atitudes:

     4.1. Gl 5.19: "Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, prostituição, impureza, lascívia,"

     4.2. Cl 3.5: "Mortificai, pois, os vossos membros, que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, a afeição desordenada, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria;"

     4.3. 1 Ts 4.3: "Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da prostituição;"

    4.4. Ap 2.21: "E dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua prostituição; e não se arrependeu."

     4.5. Ap 9.21: "E não se arrependeram dos seus homicídios, nem das suas feitiçarias, nem da sua prostituição, nem dos seus furtos."

     5.6. Rm 1.29: "Estando cheios de toda a iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;"

5. COMENTARIO PELA DA PALAVRA DE DEUS.

    5.1. "Às obras da carne" - Gl 5.19: Prostituição é obra da carne, pois dá o prazer físico e momentâneo ao que se prostitui. Uma prostituição será concretizada quando duas pessoas cometem um ato imoral diante de Deus, contrário à verdade e aos ensinamentos de Jesus. No caso acima, as orientações do Apóstolo Paulo à igreja que estava na Galácia, era de que as práticas dos Gálatas não condiziam com a verdade de Deus. "E ele fará sobressair a tua justiça como a luz, e o teu juízo como o meio-dia" (Sl 37:6).

    5.2. "Mortificai, pois, os vossos membros" - Cl 3:5: Esta mortificação não esta dizendo de que devemos estar mortos para os prazeres que o sexo nos proporciona. Não isso que estamos falando. Devemos entender que o Apóstolo Paulo estava orientando aos colossenses para não praticarem a prostituição, ou seja, o adultério, ou a fornicação, coisas que não lhes era sadia, pois esta prática os afastava de Deus. Pois deveriam estar mortos para as coisas erradas. Esta morte não é uma morte física, mas sim o afastamento daquele tipo de prática adúltera. O sexo entre casais é sadio e abençoado por Deus.

    5.3. "Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da prostituição" – 1Ts 4:3: Mas uma vez os conselhos do Apóstolo Paulo! A vontade de Deus é que tenhamos uma vida em santidade. Para vivermos em santidade devemos nos afastar de qualquer pecado e um desses pecados é a prostituição. A Palavra de Deus nos diz: “Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor;" (Hb 12.14). Deus não se contamina com as coisas deste mundo, nem com as coisas criadas pelos homens. Devemos saber que Deus criou a todos as coisas e todas as coisas estão sujeitas à justiça de Deus. "Deleita-te também no SENHOR, e te concederá os desejos do teu coração" (Sl 37:4).

    5.4. "E dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua prostituição; e não se arrependeu" – Ap 2:21: Vamos entender esta passagem bíblica fora do contexto na qual esta empregada. Na visão apocalíptica do Evangelista João, a Palavra de Deus esta falando de povos e nações e de seu povo. Na visão da qual vamos dissertar é de que Deus quer que venhamos a nos arrepender das práticas pecaminosas fora do casamento ou mesmo antes deste. Que o adultério, assunto em pauta, nos afasta de Deus. Se a pessoa não parar de praticar o adultério ou a fornicação, mesmo sabendo que isso é errado e tendo conhecimento da verdade de Deus, esta em pecado e em afronto a Deus. Se ocorrer o arrependimento e a interrupção dessa prática e voltar à obediência a Deus, será perdoada, mas deverá estar no caminho de Deus e permanecer. Isso é arrependimento. Arrependimento quer dizer: Reconhecer que cometeu um erro, crime ou pecado e pedir perdão e alcançar a graça do perdão de Deus. "Os passos de um homem bom são confirmados pelo SENHOR, e deleita-se no seu caminho" (Sl 37:23).

    5.5. "E não se arrependeram dos seus homicídios, nem das suas feitiçarias, nem da sua prostituição, nem dos seus furtos" – Ap 9:21: Mais uma vez vamos sair do contexto bíblico. Neste relato Deus esta falando às nações ou ao povo dos seus maus caminhos. O que estamos tratando é que o não arrependimento dos pecados praticados os levará à condenação eterna. Vejamos a seguinte passagem bíblica: “Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte” (Ap 21:8). Entendemos que se não houver arrependimento em nossos corações estaremos mortos e condenados para sempre e pior ainda, no lago de fogo. O Lago de Fogo e o local onde Satanás será preso pára toda a eternidade. A desobediência leva à morte eterna. Veja também o que diz a Bíblia Sagrada: “E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde está a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre” (Ap 20:10). Notamos que o local da condenação de Satanás é o mesmo dos que não obedecem à Palavra de Deus.

    5.6. "Estando cheios de toda a iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade" – Rm 1:29: Esta passagem das Santas Escrituras demonstra que pessoas com seus corações e mentes cheias dessas virtudes não herdarão o reino de Deus. É necessário nos esvaziarmos desses pecados para alcançarmos a graça de Deus. Deus quer que sejamos obedientes para alcançarmos a Sua tão grande salvação.

    5.7. "Porque o SENHOR ama o juízo e não desampara os seus santos; eles são preservados para sempre; mas a semente dos ímpios será desarraigada" (Sl 37:28). As passagens bíblicas acima e nossos comentários acerca de cada uma delas é um simples resumo que tem como finalidade incentivar ao leitor a repensar sobre tais práticas. Os bons e os maus aos olhos de Deus se diferenciam pela obediência à Sua Palavra.

6. HOMOSSEXUALISMO
A prostituição é um pecado praticado contra Deus e contra o praticante, pois nosso corpo é morada de Deus. Como morada de Deus deve ser zelada da melhor forma possível, pois o Espírito Santo de Deus habita em nós e Ele não quer e não pode morar numa casa contaminada pelo pecado. O nosso corpo como casa de Deus, não pode conceber pecados. Fazendo isso, demonstramos não termos nenhum compromisso com Deus. Olha o que a Palavra de Deus nos diz: “Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?” (1Co 6:19).

Todo esse aparato de guerra usado por alguns seguimentos da sociedade, como imprensa escrita e falada, age contra os seguimentos religiosos, ou principalmente os evangélicos. A imprensa nos últimos tempos vem bombardeando as verdades do Senhor Jesus Cristo com favoritismo homossexualismo, adultério, prostituição, etc..., fazendo com que caia em descaso a verdade da Palavra de Deus de Deus. Tais benefícios estão sendo discutido para apenas uma camada da sociedade que quer ter privilégios acima das demais classes, ou seja, buscando se esconderem atrás de uma lei, para exporem suas práticas antifamiliar. Atualmente se discute a lei da homofobia. A lei da homofobia nada mais é, no ponto de vista global, que quem for contra a liberdade sexual, contra a prática de homossexualismo, adultério ou fornicação, esta constrangendo a alguém. Principalmente se não concordar com as atitudes dos homossexuais. Este constrangimento leva o cidadão lesado a criminalizar aquele que discordar de seu modo de vida e/ou de prática de vida. A lei será tão absurda que um cidadão que não aceitar, por exemplo: O Pastor que negar-se a realizar um casamento homossexual em sua igreja. Um empresário que desejar não ter em sua empresa um homifóbico. A pessoa que discordar publicamente a seu modo e prática de vida, vai para o banco dos réus, tudo porque não aceitou no seu entendimento, aquela pessoa para realizar, fazer ou exercer aquela situação. Em conseqüência, nos que pregamos os bons costumes, a união da família, e o amor ao próximo, não descriminalizando a pessoa humana que pratica o homossexualismo, o adultério, a fornicação ou qualquer ato banal, mas combatendo às práticas e suas atitudes, estaremos todos sujeitos às penalidades da lei e pior ainda, crimes inafiançáveis.

Vejamos a seguinte situação: Deus, segundo o Livro de Genesis, criou o primeiro homem a sua imagem e semelhança (Versículo 27). Tendo criado o homem, após ver a solidão de Adão, criou uma companheira. “E disse o SENHOR Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele” (Gn 2:18). Vemos assim a preocupação de Deus para com Adão, achando que ele não deveria estar só, por isso criou para ele uma companheira. Esse é o ato da criação de Deus. Entendemos que Deus criou o homem e mulher, macho e fêmea e foi assim que os criou. Deus queria e quer que desse relacionamento seja constituído um ambiente familiar. Deus deu a ambos o poder de gerarem filhos e ser verdadeiramente uma família: Homem e mulher. Desta forma não será considerada família para Deus a constituição dos dois sexos iguais. Deus não disse que era homem com homem e mulher com mulher. Caso isso ocorra, segunda esta escrita na Palavra de Deus, que isso, é abominável para Deus.

7. ORIENTAÇÕES BÍBLICAS SOBRE HOMOSSEXUALISMO:
O Apóstolo Paulo aborda o tema, com a seguinte mensagem em Rm 1:26: “Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza”.

Paulo também aborda o seguinte tema: Rm 1.27: “E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro”.

O propósito de Deus é que o homem junte-se com a mulher e os dois formem “uma só carne” (Gn 2.24), constituindo-se numa família heterossexual, na qual os filhos poderão ser educados em meio a um ambiente sadio e livre de preconceitos, tudo segundo as ordenanças de Deus.

O homossexualismo está presente na história da humanidade desde o princípio, conforme relatos da Palavra de Deus. Biblicamente encontramos referências à homossexualidade nos relatos de Sodoma e Gomorra, conforme a seguinte passagem: “E antes que se deitassem, cercaram a casa, os homens daquela cidade, os homens de Sodoma, desde o moço até ao velho; todo o povo de todos os bairros. E chamaram a Ló, e disseram-lhe: Onde estão os homens que a ti vieram nesta noite? Traze-os fora a nós, para que os conheçamos” (Gn 19:4-5). Os moradores pervertidos de Sodoma e Gomorra tentaram amedrontar a Ló e seus visitantes, para que os liberasse e os desse a eles para pratica lidibinosas. Daí onde advém o termo “sodomia” como referência à homossexualidade e outras anomalias do gênero. Também no período dos Juízes, a Palavra de Deus nos diz: “Estando eles alegrando o seu coração, eis que os homens daquela cidade (homens que eram filhos de Belial) cercaram a casa, batendo à porta; e falaram ao ancião, senhor da casa, dizendo: Tira para fora o homem que entrou em tua casa, para que o conheçamos” (Jz 19.22). Moisés também fez referências a esta prática sexual entre o povo de Israel, conforme a seguinte narração da Palavra de Deus: “Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é;” (Lv 18.22) e também em: “Quando também um homem se deitar com outro homem, como com mulher, ambos fizeram abominação; certamente morrerão; o seu sangue será sobre eles” (Lv 20.13). Vejam que ambos estão se condenando e sendo considera abominável aos olhos de Deus, punível mesmo com a morte tais práticas.

No Novo Testamento, a referência clássica à homossexualidade, tanto feminina quanto masculina, encontra-se na epístola de Paulo aos Romanos (Rm 1.26 e 27), conforme mencionamos acima. Porém, o apóstolo também faz outras referências à condenação divina sobre esta prática, como nas seguintes passagens bíblicas: “Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus” (1Co 6.9-10) e também: “Sabendo isto, que a lei não é feita para o justo, mas para os injustos e obstinados, para os ímpios e pecadores, para os profanos e irreligiosos, para os parricidas e matricidas, para os homicidas, Para os devassos, para os sodomitas, para os roubadores de homens, para os mentirosos, para os perjuros, e para o que for contrário à sã doutrina, Conforme o evangelho da glória de Deus bem-aventurado, que me foi confiado” 1Tm 1.9-11).

Vemos nas analises dos textos acima, observando com unanimidade a vontade de Deus para o homem. Entre os teólogos e comentadores da Bíblia Sagrada acerca das menções do Apóstolo Paulo, dizem que realmente Paulo se referia ao homossexualismo, ou seja, prática sexual entre sexos iguais. As atitudes e os atos homossexuais são tratados por Deus como prostituição. Contudo é crescente o grupo de eruditos que não aceitam esta interpretação usual, e tentam reinterpretar as declarações paulinas, aplicando-as aos dias atuais, onde a homossexualidade tornou-se já parte comum do cotidiano das grandes cidades. Mas é pecado, pois a Palavra de Deus afirma isso. Embora devemos amar uns aos outros como a nos mesmos e isso inclui a pessoa do homossexual, mas o que não devemos é aceitar a prática homossexual como prática normal e aprovada por Deus. Diante de Deus e dos homens, pela Palavra a nos dada, é pecaminosidade e não podemos concordar com o pecado deliberado pela prática homossexualista.

Todo o pecado é uma desobediência, seja quebra de uma regra, uma lei, ou ordenança de Deus. É pecado. Vemos que a conseqüência da desobediência de Eva e Adão, que foi em não obedecer às ordens emanadas do Criador, que tiveram de sair do lugar em que viviam, perderam as beneficies que Deus os tinha dado e foram expulsos para que fosse sentir dor de parto e trabalhar para se sustentar. Em não obedecendo, caíram no pecado. Mas quem os incentivou ao pecado senão Satanás, a velha serpente que estava no Jardim do Édem. É Satanás que embutiu na mente de Eva e Adão que seriam iguais a Deus. É o que Satanás faz, dizer que não é pecado quando estamos agindo de forma errada e contra os princípios do Criador. Entendemos assim que todo o pecado tem por de trás Satanás incentivando o homem ao erro.

Voltando ao tema inicial que fala de prostituição, Deus nos adverte para tanto não nos devemos prostituirmos como pessoas, “porque o salário do pecado é a morte” (Rm 6:23), mas ninguém quer morrer e ir para o inferno. Quando perguntamos para uma criança? Quando alguém morre para onde vai? A criança responde que vai para o céu. Não sabendo ela qual a prática ou forma de vida que a pessoa teve durante toda a sua vida. Esta resposta também é dada pela maioria das pessoas, achando que Deus tem a missão e o dever de encher o céu com toda a espécie de pessoa, boas ou más, seguidores e cumpridores da Palavra ou alguém que morreu sem ter prestado um único culto a Deus.

Por fim, deixamos bem claro de que não somos contra as pessoas, não as odiamos por praticarem sexo de uma forma que Deus não aprova de acordo com a Palavra dEle. Não é isso que estamos avaliando. O que queremos deixar bem claro é que Deus ama toda a Sua criação e isso inclui todas as pessoas. O que devemos entender é que Deus não aprova, mas repugna é o ato sexual em pessoas do mesmo sexo, Ele próprio afirmou que isso é abominável. Por Deus ter afirmado isso antes mesmo de qualquer ser vivente da atualidade ter nascido, como as leis poderão condenar Deus. Como poderemos desqualificar a Palavra daquele que criou todas as coisas. Será que a lei elaborada por um simples e pecador mortal poderá invalidar a lei de Deus. Claro que não. O homem natural entende das coisas naturais, mas o espiritual, das coisas espirituais, portanto, mesmo que a lei da homofobia seja aprovada e venha a ser executada, mesmo assim, a Lei de Deus continuará a ser a verdade e o parâmetro para aquele que deseja alcançar a Graça de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Que Deus abençõe indistintamente a todos. Amém!
Por Pastor João Amilton.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Verdadeiro Deus

O Deus Desconhecido:
O Apóstolo Paulo de Tarso estudou nos melhores bancos escolares e foi um assimilador grandioso das Escrituras Sagradas. O Apóstolo foi ensinado pelo maior rabino de sua época, o teólogo judaísta Gamaliel. Paulo passou muito tempo de sua vida pensando e raciocinando a respeito das Escrituras. Não somente conhecia profundamente as Escrituras, mas também as tradições da sua religião, o Judaísmo. Além disso, era da linhagem dos conservadores fariseus.
Para o Apóstolo o conhecimento e a submissão a Deus era algo mais do que importante, prova disso foi a sua vida dedicada à Palavra de Deus e aos ensinamentos de Jesus. Sabemos que não é suficiente ensinar ou pregar com convicção. É preciso viver e crer naquilo que se prega. A exemplo de Paulo devemos estar sempre preparados para apresentar a razão da nossa fé e praticá-la como ele praticou.
Quanto mais procuramos conhecermos a Bíblia Sagrada, e o que ela significa para nós, e como devemos aplicar Sua verdade à nossa vida no cotidiano, mais convincente nossas palavras serão através do conhecimento da Palavra de Deus e mais próximos de Deus chegaremos. Isso não significa que devamos evitar apresentar as Boas Novas até que nos sintamos adequadamente preparados. Não é isso! Uma vez que conhecemos a Cristo, Cristo deve ser anunciado a toda a criatura. Não precisamos ter a elegância, nem a sabedoria e o domínio de Paulo sobre as Escrituras, mas devemos pregar com o conhecimento de que o Senhor nos abençõou.
Diante tudo isso devemos usar o que aprendemos e sempre procurar saber mais da Palavra de Deus, a fim de sermos testemunhas fieis e eficazes para podermos responder às perguntas e aos argumentos das pessoas para às quais somos ou seremos transmissores desta Verdade, afim de iluminá-las quanto à verdade da Palavra de Deus. Pois é o Espírito Santo que nos capacita.
Pois quando o Apóstolo Paulo esteve no meio do Areópago em Atenas, conforme At. 17.22, ele não começou citando a história do povo judeu como normalmente fazia, pois ali estava um público diferente, por isso não teria sentido falar de suas tradições ao público grego. O Areópago era um venerável concílio que cuidava dos assuntos religiosos em Atenas. Paulo sabia disso, mas como a oportunidade lhe favorecia e o momento mais do que oportuno, anunciou a Cristo e contou-lhes a eles a verdade da Palavra de Deus.
O Apóstolo preparou uma argumentação favorável versando sobre o verdadeiro Deus. Falou de coisas que os gregos entenderiam pela condução do Espírito Santo. Paulo fez menção da superstição grega, o altar ao deus desconhecido e até versos de um poeta helenista a fim de estabelecer uma base na cultura grega para enfatizar o verdadeiro Deus e foi isso que impulsionou aos gregos crerem na sua pregação.
O discurso de Paulo foi de curta duração. O Apóstolo pregou para a platéia dos areopagitas e versou que considerava os atenienses o povo mais religioso do mundo, pois quando estava visitando a cidade, em meio a incontáveis estátuas de deuses, encontrara uma inscrição singular que lhe chamara a atenção: "Ao Deus Desconhecido", frase esta escrita pelo próprio povo ateniense.
Versa-se de que em Atenas até um deus desconhecido que ninguém sabia quem era e de quem se tratava, era digno de ser venerado por aquele povo.
A existência desse deus abstrato entre tantos outros cultuados, mostrou ao Apóstolo Paulo que o nascente cristianismo foi ponto em comum com os atenienses, pois o Deus que ele pregava "não habitava em templos feito por mãos humanas" e, igualmente, "não é servido por mãos humanas". Era, pois, também um "Deus desconhecido", que pairava sobre tudo e esta acima de todos, sendo este deus desconhecido, o Deus Criador de todas as coisas.
Paulo estava frisando de que o nosso Deus não precisava de templos. Por isso mesmo, observou que o verdadeiro templo dEle é formado por seus fiéis e seguidores. Foi Ele quem fizera o homem original de onde todo o demais provém, fixando os tempos e os limites da Sua habitação. Disto procede sermos uma raça divina, trazendo em nosso interior o sopro divino. Um Senhor assim, tão magnífico, não pode ser seduzido por ouro, prata, ou ser reproduzido em pedra, ou qualquer outra matéria esculpida pelo engenho humano. Pois este Deus é o Criador e Dono de todas as coisas.
O Povo atenienses havia construído um altar para o deus desconhecido por medo de esquecer algum ídolo, e assim perder a bênção e receber algum castigos por tal esquecimento. Por isso fizeram alusão a um deus que não sabiam que existia. O início do discurso de Paulo aos atenienses, foi sobre esse deus desconhecido. O Apóstolo apenas usou a inscrição sobre o altar como ponto de partida para falar-lhes a respeito do verdadeiro Deus.
Contudo, foram tais reproduções dos deuses, que aquela compulsão idolátrica que espalhando-se por toda à parte, causavam repugnância a Deus. Por isso ele pedia a todos, e em todos os lugares por onde pregava que se arrependam de seus pecados, pois Ele já fixara o dia em que julgaria o mundo com justiça. E para anunciar a chegada desse Juízo Final, Deus designara um Homem, a quem, para dar-lhe crédito diante de todos, fizera ressuscitar dentre os mortos. Esse é Jesus Cristo. Assim, Paulo ensinou aqueles cultos homens de Atenas a respeito do único Deus verdadeiro; embora eles fossem geralmente muito religiosos, não conheciam a Deus, mas ouviram naquele dia falar acerca de Cristo, o Filho de Deus e quem era verdadeiramente Aquele deus.
Nos nosso dias, temos uma sociedade "cristã", mas para a maioria das pessoas, Deus ainda é um desconhecido. Precisamos proclamar quem Ele é e tornar claro o que ele fez por todo o mundo por intermédio de seu Filho, Jesus Cristo e quer fazer por toda a humanidade.
Quem é o Deus verdadeiro que para muitos ainda está desconhecido?
1) É o Deus que fez o mundo e tudo o que nele há (At.17.24a);
2) Não habita em santuários feitos por mãos humanas (At.17.24b);
3) Não é servido por mãos humanas - "oferendas" (At. 17.25a):
4) É Quem a todos dá vida, respiração, e tudo o mais (At.17.25 e 26);
5) Não é achado pelo "tato", mas está perto (At. 17.27);
6) Ele é um Deus que nos move e nos deixa existir (At. 17.28);
7) Não é semelhante ao ouro, prata, pedra (At.17.29);
8) Não pode ser trabalhado pela arte e imaginação do homem (At.17.29);
O Deus verdadeiro se dá a conhecer:
Deus não está escondido nos céus, alheio ao que está acontecendo no mundo... Ao contrário, Ele ama o homem, deseja relacionar-se conosco, Ele se dá a conhecer:
1) No Éden, ao cair da tarde de cada dia Ele vinha falar com Adão;
2) Ele se revelou a Abrão à porta da tenda, durante o dia;
3) Ele se revelou a Moisés, na sarça ardente no deserto;
4) Ele esteve com Daniel na cova dos Leões;
5) Ele esteve com os companheiros da Daniel na fornalha...
6) No passado Ele falava ao povo através dos Profetas
7) deixou o trono da sua glória e veio ao mundo, na pessoa do Filho;
8) enviou-nos o Seu Espírito para habitar conosco, nos revelar quem Ele é, e nos guiar por toda a verdade!
Epílogo:
1) Não há Deus maior, na verdade, há um único Deus digno de ser adorado. Os ídolos dos povos são deuses falsos.
2) Hoje, Ele se dá a conhecer a você! "Todo o que Vem a mim, de modo nenhum o lançarei fora" (Mt 6,37). "Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto" (Is 55.6).
Ele convida: "Vinde a mim, todos vós que estais cansados e sobrecarregados..." (Mt 11.28).
3) Se você já serve ao Deus verdadeiro, abra ainda mais o seu coração. Busque sempre uma experiência maior! "Buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração. Serei achado de vós, diz o Senhor…” Jr 29.13-14).
Deus quer dar um avivamento ainda hoje. Muitos cristãos estão preocupados com essa questão, sobre a qual há distintas opiniões. Existem pessoas excelentes e consagradas a Deus que pensam que o Senhor não mais manda um avivamento hoje em dia. Mas eu creio de todo o coração que um despertamento é a única preparação correta da Igreja de Jesus para a vinda do Senhor. Porém, temos efetivamente um motivo para supor que é vontade de Deus enviar um avivamento? Sim, pois a Bíblia promete avivamento!
É sempre fundamental que se descubra a vontade de Deus, inclusive para a nossa própria vida, pois uma pessoa somente pode ser feliz quando vive na esfera e no âmbito da vontade de Deus. É possível perder o melhor que Deus quer nos dar quando, por desobediência, nos recusamos a fazer a vontade de Deus. Como Deus nos revela a Sua vontade? Pela direção do Espírito Santo. O próprio Senhor Jesus disse que o Espírito Santo nos guiaria a toda a verdade. Todos aqueles que, de fato, quiserem se deixar dirigir serão guiados por Ele. O pressuposto para isso é que você queira fazer a vontade do Senhor a qualquer preço. Assim você nunca vai errar, pois o Espírito de Deus o guia a toda a verdade.
Baseado nesta verdade foi que o Apóstolo Paulo pregou aos atenienses acerca do Deus desconhecido. Para aqueles que ouviram a mensagem naquele dia, Deus deu-lhes a oportunidade de nascerem de novo mediante a fé em Cristo Jesus, para que tivessem uma vida diferente daquela a qual eles viviam e conheciam, pois foi lhes anunciado o Cristo verdadeiro, através do Deus Desconhecido deles. Este Deus faz coisas maravilhosas e foi naquela oportunidade também maravilhosa que o Apóstolo Paulo não perdeu a oportunidade e lhes anunciou a tão grande salvação: Jesus Cristo!
Por Pastor João Amilton.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Retiro Novo Horizonte

Nos dias 28 e 29 de janeiro de 2012, a Assembléia de Deus Ministério de Madureira do Campo Cruz alta reuniu seus membros e congregados para um retiro espiritual com jovens, casais e adolescentes na localidade de Novo Horizonte, área rural de Cruz Alta, no Balneário Novo Horizonte, onde reuniu um bom grupo de pessoas sob a coordenação dos Pastores Juliano Cavalheiro da Congregação de Panambí e Ivo da Silva Ferreira, da Congregação de Santa Bárbara do Sul. Desde 27 de janeiro pela parte da tarde já haviam irmãos se acampando no local do evento. O Pastor José Fernandes da Silva, Presidente do Campo Cruz Alta supervisionou todas as atividades. Foram realizados cultos pela manhã, tarde e noite com pregadores diversos. No domingo pela parte da tarde, a Congregação de Panambí através do Pastor Juliano Cavalheiro, foi realizado um batismo nas águas com bom número de novos convertidos.
A nossa Congregação foi muito bem representada no evento, com o Grupo de Louvor e de Jovens, além de casais e crianças. A Missionária Martha Valéria e demais irmãos tiveram oportunidades de apresentar nossos trabalhos congregacionais, através de pregações e louvores.
Parabenizamos a direção do Campo Cruz Alta e pastores idealizantes do evento pelo sucesso espiritual alcançado aos nossos irmãos.
Parabéns a todos. Temos algumas fotos do local do evento:

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Viagem à Argentina

No dia 31 de janeiro de 2012, estivemos visitando a cidade vizinha de Soberbio na Argentina, local ainda desconhecido até então. Eu e meu amigo e colega Jean Mauro Menuzzi fomos às compras na cidade castelhana, que fica na divisa do Brasil, apenas dividida pelo Rio Uruguai, passando pela Balça de Puerto Soberbio ou Porto Soberbo, pelas Aduanas e conhecemos o outro lado da fronteira, onde as mercadorias estão mais baratas devido ao bom preço do Real naquele país. Foi uma viajem maravilhosa, afinal não fica longe de nossas cidades. Estivemos em alguns locais e acabamos num supermercado onde Jean que é um bom degustador de vinho e uisque, afinal não é evangélico, podendo beber bebidas alcoólicas, mas disse que isso é so socialmente. Além das mercadorias de gêneros alimentícios que foram compradas. Para isso deve ser obedecidas as regras e o valor da cota, o que foi muito bem observado. O Rio Uruguai é muito bonito, pouco vigiado pela Polícia Federal ou Estadual, tanto por parte do Brasil, como por parte da Argentina. O que vislumbramos era inúmeras canoas de um lado ao outros fora da rota da balça fazendo contrabando internacional. Isso é um alerta para as autoridades para coibir esse tipo de negociação ilegal de fronteiras. No demais a viajem foi maravilhosa. Valeu Jean e que Deus o abençõe!
Fotos da viajem:


Aniversário do Guilherme

No dia 25 de janeiro de 2012, comemoramos em nossa casa o aniversário de nosso segundo filho, o Guilherme Cabreira de Anunciação, que estava completando 12 aos de vida. Estavam conosco alguns irmãos e amigos do aniversariante que festejaram conosco homenageando e presenteando nosso filho. O Guilherme que é musico do Grupo de Louvor da Igreja, também recebeu homenagens no culto de domingo pela passagem de mais um ano de vida. Ao meu filho todo o amor, carinho e paz e que os cuidados de Deus repousem sobre a vida dele e que seja um instrumento nas mãos do Senhor. Deus o abençõe e seja feliz em Cristo Jesus Nosso Salvador.
Algumas fotos:

Aniversário do Pastor Fernandes

No dia 21 de janeiro de 2012, estivemos em Cruz Alta, nas festividades do aniversário de nosso Pastor Presidente do Campo Cruz Alta, o Pastor José Fernandes da Silva, que estivera de aniversário no dia 18/01/2012, completando 50 anos de vida. Estavam todas as representações do Campo Cruz Alta e nós de Palmeira das Missões estivemos com nossa representação. O Pastor Fernandes recebeu diversas homenagens dos Pastores do Campo, dos familiares e amigos presentes. Todos foram recepcionados com delicioso churrasco. Parabenizamos ao nosso Pastor Fernandes por mais um ano de vida e que Deus o abençõe e lhe dê a direção para todos os nossos trabalhos de evangelismo em nosso Campo Cruz Alta. Parabéns e que continue trabalhando para o crescimento do Reino de Deus.
Vejamos algumas fotos do evento:

Templo Sede

Templo Sede
Avenida Independência, 1999, Centro, Palmeira das Missões

Congregação Bairro Mutirão

Congregação Bairro Mutirão
Avenida José Firmino Vilande, 274, Bairro Mutirão, Palmeira das Missões

Congregação de Santo Augusto

Congregação de Santo Augusto
Rua Nonô Prates, 43, Bairro Santa Fé, Santo Augusto

Congregação de São Valério do Sul

Congregação de São Valério do Sul
Avenida Ery Lucas, 420, Centro, São Valério do Sul

Congregação de Boa Vista das Missões

Congregação de Boa Vista das Missões
Rua Fortaleza, 260, centro de Boa Vista das Missões

Congregação Frederico Westphalen

Congregação Frederico Westphalen
Rua 137, sn, Bairro Distrito Industrial, Frederico Westphalen, RS

DIRETORIA DO CAMPO DE PALMEIRA DAS MISSÕES - ANO 2017

CAMPO DE PALMEIRA DAS MISSÕES - DIRETORIA

PRESIDÊNCIA
Pastor
JOÃO AMILTON DE ANUNCIAÇÃO.

VICE-PRESIDÊNCIA
Primeiro Vice-Presidente, Pastor ADEMIR ROSA DOS SANTOS;
Segundo Vice-Presidente, Pastor JORGE MOREIRA.

SECRETARIA
Primeira Secretária, Diaconisa LUMA OLIVEIRA DA ROCHA TEIXEIRA;
Segundo Secretário, Diácono MATHEUS TEIXEIRA.

TESOURARIA
Primeira Tesoureira, Missionária
ROSIMARI OLIVEIRA DA ROCHA;
Segunda Tesoureira, Missionária
MÁRCIA REGINA DOS SANTOS TEIXEIRA.

CONSELHEIROS FISCAIS
Pastora MARTHA VALÉRIA LOPES CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO;
Evangelista ALISSON DOS SANTOS;
Diácono PAULO ROBERTO DA SILVA MEDEIROS.


CONGREGAÇÕES - PASTORES DIRIGENTES
PALMEIRA DAS MISSÕES - BAIRRO MUTIRÃO
Pastor ADEMIR ROSA DOS SANTOS.

CONGREGAÇÃO DE SANTO AUGUSTO
Pastor JORGE MOREIRA.

CONGREGAÇÃO SÃO VALÉRIO DO SUL
Evangelista JACOB VANDERLEI PORTOLAN.

CONGREGAÇÃO DE BOA VISTA DAS MISSÕES
Evangelista SEBASTIÃO IBANÊZ AIRES DA SILVA

CONGREGAÇÃO FREDERICO WESTPHLEN
Pastor em Ofício Presbítero PAULO RENATO PRESTES


CÍRCULO DE ORAÇÃO - OBREIRAS DIRIGENTES
PALMEIRA DAS MISSÕES - SEDE
Dirigente, Missionária MÁRCIA REGINA DOS SANTOS TEIXEIRA;
Missionária ROSIMARI OLIVEIRA DA ROCHA;
Diaconisa HELGA SCHOKAL LENCINA;
Diaconisa CLEUSA DE OLIVEIRA DE MEDEIROS.

CONGREGAÇÃO BAIRRO MUTIRÃO
Dirigente, Diaconisa CRISTINA FERGUTZ DO AMARAL;
Auxiliar, Cooperadora MÁRCIA MENEGAZZO DO AMARAL.

CONGREGAÇÃO SANTO AUGUSTO
Dirigente, Missionária CECÍLIA TEREZINHA DO AMARAL MOREIRA;
Diaconisa EVA DE ALMEIDA JONES.

CONGREGAÇÃO SÃO VALÉRIO DO SUL
Missionária ÂNGELA ROSANE PORTOLAN;
Diaconisa DELOCI DE FÁTIMA DOS SANTOS PEDROSO.

CONGREGAÇÃO BOA VISTA DAS MISSÕES
Dirigente, Diaconisa ADRIANA CAMPANOGARO DA SILVA.

CONGREGAÇÃO FREDERICO WESTPHALEN
Dirigente, Diaconisa MARINES BRIZOLLA PRESTES.

RELAÇÃO DE OBREIROS - 2017

RELAÇÃO DOS OBREIROS DO CAMPO - 2017

Relação dos Obreiros e Obreiras para o ano de 2017, da Igreja Evangélica Assembléia de Deus de Palmeira das Missões Ministério de Madureira, sito na Avenida Independência, 1999, centro da cidade de Palmeira das Missões, CAMPO DE PALMEIRA DAS MISSÕES, conforme a seguir relacionados:­


001 - PALMEIRA DAS MISSÕES – SEDE:

Pastor Presidente JOÃO AMILTON DE ANUNCIAÇÃO,

Pastora MARTHA VALÉRIA LOPES CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO,

Evangelista ALISSON DOS SANTOS,

Missionária ROSIMARI OLIVEIRA DA ROCHA,

Missionária MÁRCIA REGINA DOS SANTOS TEIXEIRA,

Presbítero ABEL MARTINS MATTOS,

Presbítero MOISÉS MENDES BATALHA,

Diácono PAULO ROBERTO DA SILVA MEDEIROS,

Diácono GUSTAVO CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO,

Diácono MATHEUS TEIXEIRA,

Diácono JOEL DA SILVA OLIVEIRA

Diaconisa DAIR VITÓRIA TEIXEIRA,

Diaconisa LUMA OLIVEIRA DA ROCHA TEIXEIRA,

Diaconisa HELGA SCHOKAL LENCINA,

Diaconisa TATIANE OLIVEIRA DOS SANTOS,

Diaconisa ODILA STEPHANINI BATALHA,

Diaconisa CLEUSA DE OLIVEIRA MEDEIROS,

Diaconisa OLINTA ROZANI NIEDERAUER GUTLER,

Diaconisa NADINE OLIVEIRA DA ROCHA,

Cooperador GUILHERME CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO,

Cooperador GABRIEL CABREIRA DE ANUNCIAÇÃO,

Cooperador MURILO OLIVEIRA DA ROCHA,

Cooperadora MÁRCIA ADRIANA PERUSATO DA SILVA,

Cooperadora BÁRBARA CATARINA CREDA FRANCO,

Cooperadora ELCY MULLER FRANCO,

Cooperadora MARLI CREDA FRANCO.


002 - PALMEIRA DAS MISSÕES – BAIRRO MUTIRÃO:

Pastor ADEMIR ROSA DOS SANTOS,

Missionária ELISÂNGELA DO NASCIMENTO DOS SANTOS,

Presbítero EVANDRO DA SILVA AMARAL,

Diaconisa CRISTINA FERGUTZ DO AMARAL,

Cooperadora MARCIA MENEGAZZO DO AMARAL.


003 - SANTO AUGUSTO - CONGREGAÇÃO

Pastor JORGE MOREIRA,

Missionária CECÍLIA TERESINHA DO AMARAL MOREIRA,

Evangelista FÁBIO ROMERO DA SILVA,

Evangelista GILMAR KOWALSKI,

Presbítero VILSON PICCO,

Diácono PAULO JUAREZ DA SILVA MENDES JUNIOR,

Diácono MENDES MARTINS COIMBRA,

Diácono VIVALDO ANDRÉ DAMIÃO,

Diaconisa MARISA CRISTINA MOREIRA DA SILVA,

Diaconisa EVA ALMEIDA JONES,

Diaconisa ROSEMARI CAMARGO PICCO,

Diaconisa NEUZA ROSANE CAVALHEIRO,

Diaconisa TEREZINHA KOWALSKI,

Cooperador IZAIAS RODRIGUES JONES,

Cooperador GERSON DOMINGOS ALBINO MANOEL.


004 - SÃO VALÉRIO DO SUL - CONGREGAÇÃO

Evangelista JACOB VANDERLEI PORTOLAN,

Missionária ÂNGELA ROSANE PORTOLAN,

Presbítero EVANDRO PEDROSO,

Diaconisa DELOCI DE FÁTIMA DOS SANTOS PEDROSO.


005- BOA VISTA DAS MISSÕES - CONGREGAÇÃO

Evangelista SEBASTIÃO IBANÊZ AIRES DA SILVA,

Diaconisa ADRIANA CAMPANOGARO AIRES DA SILVA.


006 - FREDERICO WESTPHALEN - CONGREGAÇÃO

Presbítero PAULO RENATO PRESTES,

Diaconisa MARINÊS DA SILVA BRIZOLLA,

Diaconisa EDINARA BRIZOLLA PAES.

Pórtico de Palmeira das Missões

Pórtico de Palmeira das Missões